Already a member? Log in

Sign up with your...

or

Sign Up with your email address

Add Tags

Duplicate Tags

Rename Tags

Share It With Others!

Save Link

Sign in

Sign Up with your email address

Sign up

By clicking the button, you agree to the Terms & Conditions.

Forgot Password?

Please enter your username below and press the send button.
A password reset link will be sent to you.

If you are unable to access the email address originally associated with your Delicious account, we recommend creating a new account.

ADVERTISEMENT
ADVERTISEMENT

Links 1 through 10 of 32 by Paulo Vasconcellos tagged internet

Nós, bravos tupiniquins, temos a triste mania de ignorar debates quando ainda temos chance de participar; e de chorar depois, reclamando de tudo e todos.

É certo que a maioria nem sabe que alguns debates acontecem. Nossa grande mídia faz questão de não divulgá-los ou tratá-los como notas de rodapé. Sabe-se ou desconfia-se bem de suas razões.

Share It With Others!

Share It With Others!

Saca só um trechinho surrupiado da última Super Interessante, do artigo "O Futuro (e o fim?) do Livro":Digamos que você está lendo esta SUPER enquanto descansa numa paradisíaca praia do Nordeste. Você...

Share It With Others!

Share It With Others!

Há poucos dias, em 2 artigos, Clóvis Rossi questionou e criticou uma "mania" moderna: o chororô virtual. Segundo o articulista da Folha, nos rebelamos contra safadezas e safados (Sarney, por exemplo) de maneira estéril. Nossa revolta registrada em blogs, twitters e afins não traria nenhum resultado prático. Disse que é só na rua que nos fazemos ouvir.

Aí veio aquilo que a penúltima Época chamou de "Irã 2.0": com a mídia tradicional impedida de trabalhar, iranianos revoltados contra o resultado da eleição mostraram tudo (ou quase tudo) que estava acontecendo por lá. Como? Utilizando exclusivamente recursos do mundo virtual.

Clóvis Rossi, um cara que admiro e sigo há tempos, deu o braço a torcer na última terça, 23/jun. Em "O Virtual e o Sangue (Real)" ele repara comentários anteriores. Encerra o artigo dizendo que

Share It With Others!

Agorinha mesmo o presidente do senado, Zé "O Eleito*" Sarney, discursou. Por mais de 30 minutos. Tagarelou e tagarelou, num monótono monólogo, mas não disse quase nada. Claro, soltou tradicionais besteiras sobre seus 50 ou 60 anos de vida pública. E disse que NINGUÉM pode julgá-lo. Pelo que sabemos, nem as urnas do Amapá. E por que eu tô trazendo esse papo chato para o Graffiti? Porque nosso ilustríssimo presidente do senado federal descobriu um culpado para a zona toda que é aquela "alta" casa: NÓS.

Share It With Others!

The Internet isn't full, but we are!

Share It With Others!

... em festa do queijo e da cerveja.

O tema, sério e rico que é, merecia um artigo melhor elaborado. Mas não tenho mais tempo nem paciência pra seguir represando impressões que me incomodam há tempos. Fatos soltos e não ordenados:

Share It With Others!

Se sim, então devemos esperar belas novas no dia 29 de outubro de 2009. Nossa querida, indispensável, ubíqua, instável, temida e mal entendida Internet estará completando seu 40º aniversário.

Sim, hoje é aniversário da Internet. Não vi velinhas, mas não posso deixar de registrar. Da mesma forma que o fiz tempos atrás. Mostrando sua certidão de nascimento (o primeiro log)...

... e o primeiro retrato:

Diz aí, não era uma gracinha?

Hoje, balzaquiana, segue bonitona. E indispensável, ubíqua, instável... promissora. Ninguém mais saberá viver sem ti, adorável coroa!

Share It With Others!

Share It With Others!

ADVERTISEMENT
ADVERTISEMENT
ADVERTISEMENT